Curso ON-LINE de Confiabilidade Metrológica

  • Data: 29/04/2021
  • Horário: das 08h30min as 17h30min
  • Carga Horária: 8 Horas.
  • Local: CURSO POR VIDEOCONFERÊNCIA - PLATAFORMA ZOOM




Objetivo

Conhecer a importância da metrologia e seus impactos na qualidade dos produtos e processos; Conhecer a sistemática de gerenciamento dos instrumentos de medição; Identificar a importância da calibração dos instrumentos de medição; Analisar criticamente um certificado de calibração; Relacionar os resultados encontrados nos certificados de calibração com critérios de conformidade ou não conformidade dos instrumentos de acordo ao fim que se destina

Público-Alvo:

Profissionais da qualidade, metrologistas em geral

Pré-Requisitos:

Não há pré-requisitos.

Referências:

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS.Guia para a Expressão da Incerteza de Medição. ISO GUM 95. Terceira Edição Brasileira Guide to the Expression of Uncertainty in Measurement. Rio de Janeiro :ABNT , INMETRO. Edição Revisada. Agosto de 2003.120p. JCGM 100:2008 GUM 1995 with minor corrections Evaluation of measurement data ? Guide to the expression of uncertainty in measurement-First edition September 2008 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Requisitos gerais para a competência de laboratórios de ensaio e calibração. Rio de Janeiro: ABNT, 2005. 31p.(ABNT ISO/IEC 17025:2005) INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL (INMETRO). Quadro Geral de Unidades de Medida. Resolução do CONMETRO nº 12/1988.Segunda Edição 2000. INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL (INMETRO).VOCABULÁRIO INTERNACIONAL DE METROLOGIA - Conceitos Fundamentais e Gerais e Termos Associados 1.ed. Rio de Janeiro, 2012.p. Versão Brasileira do Documento de Referência EA-4/02 - Expressão da Incerteza de Medição na Calibração, INMETRO e ABNT e SBM, Rio de Janeiro, 1999. Versão Brasileira do Documento de Referência EA-4/02-S1, Suplemento 1 ao EA-4/02 - Expressão da Incerteza de Medição na Calibração - Exemplos, INMETRO e SBM, Rio de Janeiro, 1999.

Conteúdo Programático:

Requisitos Metrológicos e Normalizações; Sensibilização para a Importância da Metrologia; Sistemática de Gestão e Controle da Metrologia; Classificação dos Instrumentos; Identificação e Cadastro; Periodicidade das calibrações. Como definir adequadamente e avaliar? Programação das calibrações; Proteção da Integridade da Calibração (lacre); Cadeia de rastreabilidade metrológica; Cuidados Básicos com Instrumentos de Medição; Calibração Interna X Calibração Externa; Seleção adequada do instrumento de medição considerando a tolerância do produto; Critérios de Aceitação; Conceitos básicos sobre Incerteza de Medição/Critérios de Aceitação; Análise dos Certificados de Calibração; Auditoria Metrológica: Não conformidades típicas em instrumentos de medição; Instrumentos Não Conformes x Rastreamento de lotes produzidos com estes; Sessão de perguntas e respostas sobre problemas específicos.





Investimento

308,00

Associados
Inscrever-se

412,00

Não associados
Inscrever-se